MOXATERAPIA

A moxaterapia ou moxabustão é um método de tratamento no qual se aplica um estímulo morno-quente, produzido pela planta Artemísia Vulgaris, nos pontos de acupuntura e nas regiões afetadas. A palavra moxa é derivada da expressão japonesa mogusa que é utilizada para denominar a forma processada da planta. A artemísia é utilizada devido a qualidade do calor que ela produz e pela composição química que têm um efeito benéfico sobre o organismo.

Essa técnica é mais antiga que o próprio uso das agulhas de pedra, que foram as percursoras das agulhas de acupuntura modernas. As moxas e agulhas podem ser aplicadas simultaneamente em um tratamento. 

Tipos de aplicação

Devido ao acúmulo de práticas populares e especializadas existem muitas formas de aplicar a moxaterapia. As utilizadas no atendimento são:

Direta: aplicação de pequenos cones feitos com lã de artemísia sobre a pele.

Indireta: aplicação de bastão de artemísia colocado a uma certa distância da pele.

Os estímulos são feitos promovendo o aquecimento e respeitando a sensibilidade de cada paciente.

Kyutoshin: agulha aquecida, a moxa é colocada na cabeça da agulha.

Enf. Ândrya Nayane

Coren-RS 271600

Graduação Enfermagem- UFRGS

Residência em Saúde Mental- HCPA/UFRGS

Especialização em Acupuntura- IBRAMPA

Harmonize corpo e mente.​

Acupuntura para longevidade, bem-estar e saúde.