A Primeira Sessão de Acupuntura

Se essa for sua primeira vez provavelmente surgem expectativas em relação ao atendimento. #Acupuntura é um tratamento de #saúde que deve ser aplicado por um profissional habilitado. Por ser um tratamento com abordagem holística, a primeira sessão é mais abrangente com o objetivo de tratar o indivíduo como um todo. É considerado a multidimensionalidade do ser, que envolve os aspectos físico, emocional, social, mental e espiritual.


O primeiro atendimento


Esse é o primeiro contato do acupunturista com o paciente, por isso é importante a anamnese e avaliação.

A anamnese é uma entrevista estruturada que o profissional faz para coletar as informações sobre as queixas e histórico clínico do paciente. Essa etapa ajuda a determinar quais técnicas são mais indicados ou até contra indicados para cada pessoa.

Na anamnese em #acupuntura é questionado os seguintes itens:

  • Queixa principal, quando e como começou, como se manifesta;

  • Medicamentos em uso;

  • História passada (tratamentos, cirurgias, internações, infecções);

  • Padrões de sono;

  • Padrões emocionais;

  • Padrões de alimentação e apetite;

  • Estilo de vida;

  • No caso das mulheres o ciclo menstrual.

É recomendado levar exames relacionados ao problema de saúde que precisa ser tratado, dessa forma as informações estarão mais completas.

Depois da anamnese é realizado o exame físico, conforme a medicina chinesa essa avaliação inclui tradicionalmente a palpação do pulso e observação da língua. A avaliação da permeabilidade elétrica dos meridianos (ryodoraku) é uma técnica mais recente.


Palpação do Pulso
Observação da Língua
Permeabilidade Elétrica dos Meridianos

As informações da anamnese e exame físico têm como objetivo avaliar os desequilíbrios yin e yang, a partir disso se determina quais pontos utilizar e as técnicas que podem ser integradas no tratamento.

Em seguida é realizada aplicação das agulhas que pode ser combinada com outros recursos como: moxaterapia, ventosaterapia, guasha, auriculoterapia, eletroacupuntura.


Aplicação da Acupuntura


Antes da aplicação é realizada a assepsia do local. No momento de inserção da agulha pode ser que não seja percebido nenhum desconforto. No entanto, em algumas regiões mais sensíveis pode ser percebido desconforto passageiro, choque, entorpecimento, propagação do estímulo. Essas sensações são naturais e passam rapidamente. O que não pode acontecer é sentir dor constante no local de inserção durante o período de permanência das agulhas.

As agulhas geralmente permanecem por 10 a 30 minutos, algumas técnicas de tratamento da dor as agulhas podem permanecer 10s. Após o uso as agulhas são descartadas.


OBS: A acupuntura nunca deve ser aplicada por cima da roupa. Essa aplicação não está adequada com as normas de biossegurança.


Recursos Complementares da Acupuntura


Moxaterapia: na maioria das vezes é utilizada em conjunto com a acupuntura. Assim como yin e yang, agulha e moxa se complementam. A moxa utiliza a planta artemísia para aquecer o ponto ou uma região do corpo. Na verdade a tradução do termo acupuntura para o ocidente acabou desconsiderando a moxa e apenas enfatizando a agulha. Originalmente acupuntura em chinês Zhenjiu, ou em japonês Shinkyu significa agulha e fogo.


Eletroacupuntura: as agulhas são conectadas ao aparelho de eletroterapia específico para acupuntura.


Auriculoterapia: técnica que aplica pequenas sementes, esferas ou agulhas em pontos da orelha.


Ventosaterapia: utiliza pequenos copos para produzir uma pressão negativa. É indicada para dores e contraturas musculares.


Guasha: utiliza espátulas de pedra jade para manobras de fricção e deslizamento. Indicada para dores e contraturas musculares.


Autoconhecimento e Autocuidado


Acupuntura é um tratamento indicado para pessoas que buscam uma participação ativa em seu bem-estar e saúde. O objetivo do acupunturista é também estimular o autocuidado e o autoconhecimento porque nenhum tratamento consegue ter sucesso sem a participação do paciente.

"Manter uma boa saúde não é como subir uma montanha, com um objetivo visível, mas como a manutenção de um jardim, dar constante cuidado e prestar atenção as mudanças no ambiente."

Por isso é importante rever hábitos alimentares, emoções, padrões de repouso e atividade. O nosso bem-estar e saúde depende de várias ações que realizamos todos os dias - comer, beber, fazer exercício físico, descansar, dormir e manter a mente sã. Se houver um problema em qualquer uma dessas áreas, todo o corpo será afetado.


Auteroche B. O diagnóstico na medicina tradicional chinesa. São Paulo: Andrei, 1992.

Arantes A. M. Dietoterapia chinesa: nutrição para corpo, mente e espiríto. Rio de Janeiro: Roca, 2016.

Scilipoti D. Filosofia e acupuntura ryodoraku. São Paulo: Roca, 2006.

Shu-li W; Stimson C. Obesidade e saúde na medicina chinesa. São Paulo: Brasil Oriente, 2011.




Enf. Ândrya Nayane

Coren-RS 271600

Graduação Enfermagem- UFRGS

Residência em Saúde Mental- HCPA/UFRGS

Especialização em Acupuntura- IBRAMPA

Rua Barão do Triunfo, 720, sl. 208

Menino Deus, Porto Alegre, RS