Como são os pontos de acupuntura e como funcionam?



Até hoje existem dificuldades em correlacionar a prática empírica e filosófica do Oriente com a medicina moderna. Do ponto de vista moderno, os meridianos e pontos de #acupuntura ainda precisam ter sua natureza esclarecida. De acordo com a teoria da #medicinatradicionalchinesa o Qi (força vital), flui ao longo de uma rede de canais ou caminhos no corpo humano. Uma série de pontos ocorrem ao longo de cada caminho, formando o sistema dos meridianos, que estão relacionados com a função dos órgãos internos e suas condições fisiológicas ou patológicas. Através da estimulação desses pontos com agulhas e moxas é possível regular os órgãos ou as funções corporais alterando fluxo de Qi nos meridianos. Assim há 2500 anos vários sintomas e doenças são tratadas baseadas nessa teoria.

Contudo, a rede de meridianos não correspondem aos padrões dos vasos sanguíneos, nervos e ductos linfáticos e a nenhuma outra estrutura anatômica conhecida. Atualmente, existem um número de fenômenos estruturais e anatômicos que se propõem a explicar a natureza dos pontos e meridianos de #acupuntura.


O que sabe até agora sobre os pontos e meridianos de #acupuntura?


Os pontos de #acupuntura quando comparados a outras regiões da pele, apresentam algumas particularidades: melhor condução da corrente elétrica, relações com estruturas anatômicas específicas ( exteriorização de nervos através de fáscias e forames ósseos), relações fixas com referênciais anatômicos ( epicôndilos, tuberosidades, sulcos entre outros).

Histologicamente, observam-se aumento da concentração de mastócitos ( células de defesa) e receptores nervosos.


São necessárias mais investigações sobre o funcionamentos dos pontos e meridianos em #acupuntura. Um dos caminhos para elucidação é o uso da análise dos genes, proteínas e das vias metabólicas relacionadas ao estímulo da #acupuntura. Por enquanto os estudos indicam:

  • O estímulo nos pontos de #acupuntura influencia genes relacionados com as vias da dor o que oferece suporte a hipótese de que o efeito analgésico da #acupuntura é mediado por opioides endógenos.

  • Os estímulos também estão relacionados com proteínas anti-inflamatórias, neuroprotetoras e a regulação do metabolismo após a #acupuntura.

Os pontos e meridianos de #acupuntura são intrigantes e a pesquisa é necessária para compreender o funcionamento. De qualquer forma a pesquisa possibilita o #aperfeiçoamento e a #inovação nos #tratamentos.




Jia et al., 2012 J. Jia, Y. Yu, J.-H. Deng, N. Robinson, M. Bovey, Y.-H. Cui, H.-R. Liu, W. Ding, H.-G. Wu, X.-M. Wang. A review of omics research in acupuncture: the relevance and future prospects for understanding the nature of meridians and acupoints

Journal of Ethnopharmacology, 140 (2012), pp. 594-603






Enf. Ândrya Nayane

Coren-RS 271600

Graduação Enfermagem- UFRGS

Residência em Saúde Mental- HCPA/UFRGS

Especialização em Acupuntura- IBRAMPA

Acupuntura para harmonizar corpo e mente.

Bem-estar e saúde como um todo.

Rua Barão do Triunfo, 720, sl. 208

Menino Deus, Porto Alegre, RS